quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Pureza.




A menina na janela
E a janela na menina.
Uma janela única,
Redonda e um pouco suja.


Do lado de fora,
A chuva tudo molha.
E a menina olha
Sentindo inveja do tudo.


Ela imagina-se então
Naquela chuva gelada,
A água deslizando em seu corpo,
Lavando sua alma.


Seria então uma janela limpa
Já não mais trancada,
Já não mais intocada
Pelas águas geladas
Que a faria sentir-se viva afinal.



Thaís Mello .

11 comentários:

  1. É disso que estou precisando, me sentir viva...e ela foi pra chuva? Ah, eu adoro chuva, coisas boas acontecem pra mim em dia de chuva, sabia que meus primeiros dias no trabalho sempre são debaixo de chuva? Peculiar não?

    ResponderExcluir
  2. Thathá, é sua a poesia?
    Lindaaaaaa....
    Bj

    ResponderExcluir
  3. Adorei a poesia, linda! Gosto de tudo que fala da chuva, aliás, está chovendo nesse exato momento, me sinto meio como a sua menina na janela...

    ResponderExcluir
  4. Linda a poesia, antes que diga algo, mas você tbm é ^^

    ResponderExcluir
  5. Nossa!!
    Poesia Perfeita!!
    Me reconehci muito nela
    muito mesmo, sério.

    Parabéns!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Se o "se" tivesse ficado só no "se", peculiar mesmo.. rsrs
    Não sei se ela foi pra chuva.. rsrs

    La Sorcière, ée sim . Obrigada ! :)

    Thalita Carvalho, obrigada ! Nossa, que perfeito! rsrs

    Srº Vodka, hehehe. Obrigada !

    Douglas, obrigada! Que bom viu? :)

    Valeu pelos comentários, gente ;*

    ResponderExcluir
  7. Menina, vai lá.. sinta a chuva, o gosto, a temperatura.. va viver!!

    bj

    ResponderExcluir
  8. Liinda a poesiia Thá !
    me amarrei nesse comentario aqi em cima ! kkk' (L)

    ResponderExcluir
  9. Oi Thais estava aqui dando uma passadinha nos meus blogs favoritos e me deparei com essa linda poesia, parabéns adorei muitoooo =D ;)

    O ECOS DA ALMA ta com uma nova cara, visite agora mesmo!!!Obrigado!!!

    www.ecosdaalma.com

    ResponderExcluir

Diga o que achou ! :D